BlackFish – Por trás da indústria cruel dos “Sea Worlds”

“Blackfish” é um dos documentários mais atuais sobre a realidade da indústria de entretenimento que se utiliza de animais. De fato, o filme pode ser reconhecido como um dos responsáveis por conscientizar BLACKFISH_Film_Posterparte da população dos EUA a respeito da crueldade por trás dos shows dos “Sea Worlds”, o que veio a aumentar a pressão de ativistas e comunidades a favor do fechamento destes estabelecimentos. Para tal, o filme começa investigando o caso da morte da treinadora de orcas Dawn Brancheau, que foi morta após um acidente com a orca Tilikum, a qual treinara desde bebê. É desta investigação, então, que se começa a revirar os porquês do enorme estresse a que vivem as baleias (na realidade golfinhos) e o nível de violência a qual passam estes animais para que venham aprender a saltar e entreter o público. Ademais, o filme mostra a origem das baleias e também evidencia o seu seqüestro de seu habitat natural, terminando por evidenciar a ganância e a lucratividade deste negócio.
Além do ativismo que ajudou a fortalecer, este documentário é excelente para uso em escolas, principalmente quando se quer abranger o tema para outros animais usados como entretenimento, como o caso de cavalos, animais em circos, elefantes, camelos e porquê não animais em zoológicos. Finalmente, o filme pode ser usado como ferramenta para despertar o veganismo em pessoas não habituadas com o tema ou conscientizar veganos iniciantes sobre a importância de ir além da mera dieta e vestuário.

O trailer do filme em português pode ser visto abaixo:
http://www.youtube.com/watch?v=owaZIWdkV_g